quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Pastores evangélicos convocam fiéis a boicotarem o Big Brother Brasil


A grande rejeição dos pastores evangélicos em relação ao Big Brother Brasil aumentou sensivelmente após o caso em que houve suspeita de estupro envolvendo Daniel Echaniz, que seria evangélico e a participante Monique Amim.

A líder de intercessão do Ministério Diante do Trono Helena Tannure repreendeu veementemente os cristãos que assistem ao programa, afirmando que “o BBB é o esgoto de satanás derramado nas casas das pessoas. Tem gente que almoça com Deus, mas toma um cafezinho com diabo. Não perde um Big Brother. Desce do muro! Isto me ira. Perdoe-me, mas isto me ira!”.

O pastor Ariovaldo Ramos, líder da Comunidade Cristã Reformada, em São Paulo, foi direto ao afirmar que cristãos não devem dar audiência a estes programas. Perguntado pelo The Christian Post se o programa deveria ser boicotado, respondeu: “Sim, deve ser boicotado, esse tipo de programa avilta o ser humano e insulta a Deus”.

Os valores religiosos e familiares são os pontos que mais são agredidos pelo reality show, segundo os pastores. A exposição de intimidades também entra como um dos principais itens de crítica.

O pastor e blogueiro Renato Vargens, da Igreja Cristã da Aliança, em Niterói-RJ, afirmou estar “assustado, que mesmo diante de um programa tão baixo, alguns evangélicos teimam assistir”. Frisando que não há conteúdo que se aproveite no reality show, Vargens afirma que a “Vênus Platinada nos empurra goela abaixo valores absolutamente imorais e para piorar a situação, muitos evangélicos amam dar uma ‘espiadinha’”. Para ele e os demais pastores citados anteriormente, os princípios cristãos deveriam falar mais alto na hora de os evangélicos decidirem se assistem ou não ao Big Brother Brasil.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Barack Obama é chamado de anticristo por manifestante e responde: “Jesus Cristo é o Senhor”. Assista



O Presidente dos Estados Unidos estava pronto para discursar na House of Blues, em Los Angeles, durante uma ação de angariação de fundos, quando foi interrompido por gritos vindos da plateia. “O Deus cristão é o único e o verdadeiro Deus vivo! O criador do Céu e do Universo! Jesus Cristo é Deus! Jesus Cristo é Deus! Jesus Cristo é Deus! Tu és o anticristo!”, gritou a plenos pulmões o homem, que a imprensa norte-americana, de forma generalizada, apelidou de “provocador”. Ele foi rapidamente escoltado para fora do recinto pelos seguranças do presidente.

Barack Obama manteve-se sereno durante toda a intervenção, que acabou por ser abafada pelas demais pessoas presentes na sala. “Mais quatro anos! Mais quatro anos!”, gritaram por cima, aludindo à nova candidatura de Obama à Casa Branca, nas eleições de 2012.

O presidente norte-americano permitiu, silencioso, que a interpelação fosse até o fim. E deu um sorriso nos lábios. Quando o homem estava sendo levado para fora da House of Blues, Obama concordou com parte da intervenção: sim, disse, “Jesus Cristo é o Senhor”.


No final, ainda brincou com a situação, pedindo, ao microfone, que os seguranças voltassem levassem ao seu acusador o casaco, que ele teria deixado ficar. O vídeo foi publicado pela Associated Press no YouTube, abaixo em inglês:

Texto retirado do Exército Universal
Under Creative Commons License: Attribution No Derivatives


domingo, 15 de janeiro de 2012

DIA DA TRANSFIGURAÇÃO




DIA 15 DE JANEIRO FOI UM DIA ESPECIAL PARA O POVO DE CAMPO LARGO, A GRANDE CONCENTRAÇÃO DE FÉ E MILAGRES TEVE INICIO ÀS 9H DA MANHÃ, O PASTOR LEANDRO BIANCO REALIZOU VÁRIAS ORAÇÕES E POR VOLTA DE 10H O BP MACEDO DIRETO DE ISRAEL VIA IURDTV ABENÇOOU TODOS QUE DESEJAVAM UMA TRANSFORMAÇÃO. A CONCENTRAÇÃO DE FÉ E MILAGRES ACONTECE TODOS OS DOMINGOS ÀS 9H DA MANHÃ.
RUA: MARECHAL DEODORO, 704 - CENTRO

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

OS 7 SEGREDOS DA FÉ


NÃO É NECESSÁRIO SER GRANDE, MAS TEM QUE SER EXERCITADA!
“…Pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda… Nada vos será impossível.” (Mt 17.20)

EMBORA SEJA ALGO ABSTRACTO, TRAZ RESULTADOS CONCRETOS!
“…Como secou depressa a figueira! Jesus, porém, lhes respondeu: Em verdade vos digo que, se tiverdes fé e não duvidardes, não somente fareis o que foi feito à figueira, mas até mesmo, se a este monte disserdes: Ergue-te e lança-te no mar, tal sucederá.” (Mt 21.20- 21)

É VISTA NAS NOSSAS ATITUDES!
“E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o eirado no ponto correspondente ao em que ele estava e, fazendo uma abertura, baixaram o leito em que jazia o doente. Vendo-lhes a fé, disse Jesus…Eu te mando: Levanta-te, toma o teu leito e vai para tua casa. Então, ele se levantou e, no mesmo instante, tomando o leito, retirou-se à vista de todos!” (Mc 2.4-12)

NÃO PODE SER DIVIDIDA!
“Um faz diferença entre dia e dia; outro julga iguais todos os dias. Cada um tenha opinião bem definida em sua própria mente.” (Rm 14.5)

DEVE SER PROTEGIDA!
“Embraçando sempre o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do Maligno.” (Ef 6.16)

É O ÚNICO CANAL QUE NOS LIGA A DEUS!
“De facto, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam. ” (Hb 11.6)

O SACRIFÍCIO É O SEU PONTO MÁXIMO!
“Pela fé, Abel ofereceu a Deus mais excelente sacrifício do que Caim; pelo qual obteve testemunho de ser justo, tendo a aprovação de Deus…”(Hb 11.4)

Bp. JULIO

Adiando a ansiedade


Ansiedade é a preocupação desesperada de uma pessoa sobre coisas que ela não pode controlar. Portanto, a ansiedade é idiotice e um desperdício de energia.

Sua ansiedade nunca fará os seus problemas de amanhã mais fracos, mas lhe esvaziará de forças hoje.

Uma solução: marcar o dia e a hora quando terá que se preocupar com algo.

Por exemplo, sua empresa está mandando gente embora, e você está ansioso se está na lista. No fim do mês irão anunciar as demissões finais, e agora estamos no princípio do mês. Ficar ansioso ou preocupado agora não vai resolver nada (porque não há nada para resolver ainda, a não ser o seu medo). Então, livre-se desse sentimento inútil marcando consigo mesmo um “encontro” com aquele problema: “Dia 30 de janeiro, vou saber se preciso começar a procurar outro emprego.” Pronto. Se preciso for, marque até no seu calendário.

Tendo feito isso, esqueça do problema. Foque apenas no que lhe importa agora. A não ser que você queira agir irracionalmente e desperdiçar suas energias.

Bp. RENATO CARDOSO

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

O BISPO ARREBENTA

Minissérie "Rei Davi" ESTRÉIA DIA 24 DE JANEIRO NA RECORD



Em entrevista à IURD TV, Vivian de Oliveira conta como foi escrever a história de um dos personagens mais emblemáticos da Bíblia
Da Redação
redacao@arcauniversal.com

Quem vem acompanhando as minisséries bíblicas lançadas na Rede Record deve se lembrar da “História de Ester”, de autoria de Vivian de Oliveira. O sucesso foi tão grande que a autora foi convidada a escrever sobre a vida de um dos personagens mais marcantes da Bíblia: rei Davi.

Com estreia prevista para o dia 24 de janeiro, Vivian participou do programa das 11h, desta segunda-feira (9), pela IURD TV, quando explicou como foi o trabalho de adaptar uma história longa e intensa para uma série de televisão. “Eu tentei colocar as partes principais, como o momento em que ele foi ungido por Deus, quando entrou no acampamento de Saul e a luta contra o gigante Golias”.

Vivian destaca que para aproximar o público do que aconteceu no passado, foi preciso muita pesquisa e estudo. “Eu li muito a Bíblia, pesquisei bastante em vários livros. É uma história forte e viva, eu me peguei chorando várias vezes enquanto escrevia”, confessa.

A autora ainda falou um pouco sobre sua história de vida e o sonho de se tornar escritora. “Meus pais eram jornalistas, eu sempre estive nesse meio, mas o jornalismo era muito factual e minha vontade era de escrever histórias”.

Embora a fonte de inspiração tenha sido a mesma, a Palavra de Deus, Vivian ressaltou que na história de Ester o romantismo esteve presente em grande parte dos episódios, já na de Davi temas mais polêmicos e densos prometem prender a atenção do telespectador.

A autora ainda explicou como foi que escolheu o ator Leonardo Brício para esse importante papel: “Tivemos que nos concentrar em escolher um Davi que possa parecer jovem e que depois vá envelhecendo com a ajuda da maquiagem. Eu fiz questão de participar da escolha de cada ator”.

Vivian faz um convite aos internautas da IURD TV: “Vale muito à pena assistir, não apenas pelo lado da fé, mas porque na Bíblia há boas histórias que merecem ser contadas. Apesar de ser um tempo distante do nosso, eles passavam pelas mesmas situações que nós: havia ciúme, inveja, amor”, analisa.

Antes de encerrar a participação no programa, a autora avisou que a linguagem usada na minissérie está bem fácil, adaptada para o vocabulário dos dias de hoje e, antes mesmo da estreia, revelou o grande segredo que fez do mirrado pastor de ovelhas um grande rei: “Apesar de tudo, Davi foi um homem de coração puro.”

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012





40 ANOS DE HARMONIA E PAZ
POSTED BY EXÉRCITO UNIVERSAL ON 10:300 COMENTÁRIOS
Bispo Edir Macedo e Ester Bezerra celebram 40 anos de casamento. Em entrevista, contam como venceram as incompatibilidades e dão a receita para a felicidade conjugal

A palavra “casamento” é um substantivo masculino que significa “união legal entre homem e mulher para constituir família”. A Bíblia registra o primeiro casamento entre um homem e uma mulher (Adão e Eva) em Gênesis, o primeiro livro do Velho Testamento. De acordo com as Escrituras Sagradas, ambos foram colocados por Deus no Jardim do Éden com o intuito de procriar e povoar a Terra.




Com o passar dos séculos, entretanto, a instituição família foi se desvalorizando, perdendo sua essência. Vivendo em uma época em que o divórcio tornou-se ágil e fácil, muitos casais, hoje, não estão muito preocupados em buscar tal estabilidade, já que, ao sinal do primeiro problema ou incompatibilidade, a tolerância se esgota rapidamente e a separação é tida como a única solução.


Inovação, compreensão, sensibilidade, otimismo, fuga da rotina, respeito, cumplicidade e tantos outros detalhes são obrigatórios em um matrimônio; porém, sem fé e amor, uma união não se sustenta. É o que garante o bispo Edir Macedo, líder e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), casado com Ester Bezerra há 40 anos. Feliz e realizado, o bispo faz questão de salientar os inúmeros pontos negativos que envolvem um relacionamento, entretanto, ressalta que, quando a base da união matrimonial envolve fé e amor, não há divórcio ou separação que a alcance. Como qualquer casal normal, o bispo Macedo e a esposa Ester passaram por diversos problemas, entretanto, explicam, superaram um a um com inteligência, foco, fé, amor e, sobretudo, sacrifício. A seguir, eles detalham alguns pontos importantes e descrevem situações difíceis que viveram e de que forma as superaram.


Eles se conheceram na juventude e, desde aquela época, ambos professavam a fé em Deus, um ponto importante para a relação dar certo, garantem. De acordo com Ester, o que chamou sua atenção no futuro marido foi a intrepidez. Já o bispo Macedo afirma que a forma discreta dela (que pouco falava) e a família estruturada fizeram com que se tornasse um grande admirador da futura esposa.


“Ela era uma moça espiritual, fervorosa, fiel na Igreja. Vi que os pais eram bem casados e observei que era uma boa filha. Então, pensei: ‘Se ela é boa filha, vai ser boa esposa.’ E como eu era um bom filho, também seria bom esposo. Realmente o dia em que nos encontramos foi como se esperássemos um pelo outro há muito tempo”, relatou o bispo, durante entrevista ao programa The Love School, da IURD TV.





Dois problemas


“Há quem goste de guerra, mas eu gosto de paz. Eu sempre parti do seguinte princípio: sou um problema, ela é um problema. Então, se juntaram dois problemas, vivenciamos os nossos problemas, aprendemos com os nossos problemas. Aprendemos grandes lições com eles, graças a Deus. Com o passar do tempo, um vai se acostumando com o outro, aprendendo a sacrificar, a fim de usufruir do casamento. E isso traz paz. Quando estamos juntos, temos paz. Embora tenhamos gostos diferentes.”




Chegada dos filhos



“Na época em que nossa primeira filha nasceu, começaram os problemas. Apesar dos meus 27 anos, eu era infantil, por isso ficou bem complicado. Ela (Ester) passou a dedicar-se à criança e eu me isolei, daí tivemos tempos difíceis, mas superamos, vencemos. Usei o raciocínio: quem é inteligente sabe que o casamento é a base do sucesso de uma pessoa. Se temos um casamento sólido, temos condições de construir qualquer coisa; ou seja, se o marido está bem com a esposa, ele está bem consigo, tem paz dentro de casa e forças para seguir adiante e conquistar.”




Imposições


“Uma das coisas que mais odeio na vida é ser obrigado a fazer alguma coisa. Eu odeio isso! Por conta desse ódio que tenho de opressão, eu odeio oprimir, odeio impor a minha vontade. Se eu quero fazer algo para você, tenho de fazer por espontaneidade, se for obrigado, já me tira a paz. Então, por eu ser assim, também exijo que as pessoas façam de acordo com a vontade delas. Não obrigo nada a Ester, tampouco gosto que me obriguem a qualquer coisa.”




Solidez



“Nós trabalhamos com a cabeça, não com o coração, essa é a realidade. Esse me parece ser o segredo do casamento. O segredo não é olhar beleza, juventude, virilidade, pois depois que casa, fica naquele ‘arroz com feijão’; toda aquela beleza, suntuosidade e glamour acabam.”



Texto retirado do Exército Universal

sábado, 7 de janeiro de 2012

10 Sinais que você deixará de ser OBREIRO(a) ou de fazer a obra.



1.Deixou de exercer e de ministrar a sua autoridade.

2.Deixou de buscar para si, tem vindo a sentir um esfriamento progressivo na Busca pelo Espírito Santo e tornou-se indiferente nas reuniões.

3.Tem vindo a desenvolver um olhar malicioso.

4.Concluiu que não é mais necessário participar nos propósitos de Fé.

5.Sente que o seu “chamamento” não é mais a sua prioridade.  Todas as outras coisas são sempre mais importantes.

6.Uma relação sentimental com um incrédulo deixou de significar um perigo para a sua vida espiritual.

7.Uma exortação, correção ou disciplina deixaram de ser admissíveis para si. Alimentar rancores, mágoas ou sentimentos deste género passou a ser algo natural.

8.A sua posição e representação como obreiro são usadas para proveito próprio perante os membros.

9.Acha-se no direito de impor a sua autoridade e de exigir um tratamento diferenciado por conta do tempo de Igreja.

10.Passou a desenvolver amizades com pessoas que, abertamente, ridicularizam a Palavra de Deus e demonstra indiferença aos opositores da fé.  Uma coisa é ter o contato, outra é fazer amizade.

Seu servo em Cristo, bp. Júlio Freitas