sábado, 28 de maio de 2011

EXEMPLO

APESAR DAS IMAGENS SEREM FORTES ELAS MOSTRAM EXATAMENTE COMO FUNCIONA NO MUNDO ESPIRITUAL, ENQUANTO A PESSOA FICA PASSIVA, MESMO A MAL JÁ TENDO SIDO DERROTADO NA CRUZ DO CALVÁRIO TOMA ATITUDES CONTRA ELA, ACERTANDO SUA VIDA COM DOENÇAS,DESEMPREGO,VÍCIOS E ETC.MAS QUANDO A PESSOA TOMA CONSCIÊNCIA DA AUTORIDADE QUE LHE FOI DADA PELO SANGUE DE CRISTO E PARTE PARA CIMA DO diabo CERTAMENTE ELE SERÁ ENVERGONHADO E PENSARÁ DUAS VEZES ANTES DE SE LEVANTAR CONTRA ELA NOVAMENTE. DEUS LHE ABENÇOE

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Eu sou contra o Kit Gay e votei contra!!!!

Eu sou contra o Kit Gay e votei contra!!!!

Quer saber o que é o KIT GAY?

Acesse o link: http://www.correiodoestado.com.br/noticias/veja-videos-do-kit-anti-homofobia-do-mec_111320/

Você gostaria que seu filho(a) recebesse o Kit Gay na escola?

Para votar contra o Kit Gay(tempo 2minutos):

http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2011N10224



Abraços,

Divulguem!!!!

Essa é para liderança!

CALÇA RASGADA


Duas esposas de pastor estavam sentadas, uma ao lado da outra, remendando as calças de seus maridos.

Uma delas falou à amiga: - Pobre do João, ele está muito desencorajado no trabalho da igreja. Há alguns dias ele falou até em renunciar e entregar seu cargo. Parece que nada vai bem e tudo dá errado para ele.

A outra respondeu: - Lamento por vocês. O meu marido tem dito exatamente o contrário. Tem sentido cada dia mais intimidade com Deus, como nunca havia experimentado antes.

Um pesado silêncio atingiu aquelas duas mulheres, que continuaram com os remendos, sem trocar mais nenhuma palavra.

Uma delas estava remendando os joelhos da calça de seu marido e a outra, a parte traseira

terça-feira, 17 de maio de 2011

A perseguição

Jesus foi perseguido assim que recebeu o batismo e começou a pregar


Perseguição é uma das características da Igreja cristã. O próprio Senhor Jesus começou a Sua vida neste mundo sob tremenda perseguição.

Após a aparição da estrela e o anúncio dos três reis magos, a perseguição teve início, pois Herodes, temendo que o Messias prometido fosse um rei secular, que tomaria o domínio de Roma, ordenou aos seus soldados que procurassem a criança anunciada pelos profetas de Israel e a matassem: “Vendo-se iludido pelos magos, enfureceu-se Herodes grandemente e mandou matar todos os meninos de Belém e de todos os seus arredores, de dois anos para baixo, conforme o tempo do qual com precisão se informara dos magos.” Mateus 2.16

Por isso, José e Maria tiveram de fugir para o Egito, onde permaneceram com o menino Jesus por um certo tempo: “Tendo eles partido, eis que apareceu um anjo do Senhor a José, em sonho, e disse: Dispõe-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito e permanece lá até que eu te avise; porque Herodes há de procurar o menino para o matar. Dispondo-se ele, tomou de noite o menino e sua mãe e partiu para o Egito; e lá ficou até à morte de Herodes, para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor, por intermédio do profeta: Do Egito chamei o meu Filho.” Mateus 2.13-15

A história bíblica relata que Jesus ficou durante mais ou menos 18 anos anônimo, embora existam muitas histórias sobre esse período, algumas até bastante conhecidas, como por exemplo, a que levanta a possibilidade de que Ele tenha vivido entre os essênios, que constituíam uma das seitas religiosas judaicas.

Seus membros viviam em um grupo fechado, afastados da civilização conhecida da época, supostamente livres de qualquer contaminação, cultivando a pureza. Outras dessas histórias afirmam que Ele teria ido à Ásia, fazer cursos, tendo convivido com monges tibetanos, budistas e outros.

Nenhuma dessas suposições, entretanto, é verdadeira, pois o que aconteceu foi que Jesus viveu como se fosse uma pessoa comum, aprendendo o ofício de carpinteiro com José, conforme era o costume da época: os filhos darem continuidade à profissão exercida pelo pai.

Ele conviveu, sim, com a Sua mãe, Maria, e com os Seus irmãos: “Não é este o carpinteiro, filho de Maria, irmão de Tiago, José, Judas e Simão? E não vivem aqui entre nós suas irmãs? E escandalizavam-se nele.” Marcos 6.3

A perseguição voltou sobre o próprio Senhor Jesus imediatamente após o início do Seu ministério, ou seja, logo depois que Ele recebeu o batismo e começou a pregar, foi rejeitado na sinagoga de Jerusalém, depois do Seu primeiro sermão proferido naquele templo:

“Indo para Nazaré, onde fora criado, entrou, num sábado, na sinagoga, segundo o seu costume, e levantou-se para ler. Então, lhe deram o livro do profeta Isaías, e, abrindo o livro, achou o lugar onde estava escrito: O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.

Tendo fechado o livro, devolveu-o ao assistente e sentou-se; e todos na sinagoga tinham os olhos fitos nele. Então, passou Jesus a dizer-lhes: Hoje, se cumpriu a Escritura que acabais de ouvir. Todos lhe davam testemunho, e se maravilhavam das palavras de graça que lhe saíam dos lábios, e perguntavam: Não é este o filho de José?

Disse-lhes Jesus: Sem dúvida, citar-me-eis este provérbio: Médico, cura-te a ti mesmo; tudo o que ouvimos ter-se dado em Cafarnaum, faze-o também aqui na tua terra. E prosseguiu: De fato, vos afirmo que nenhum profeta é bem recebido na sua própria terra.

Na verdade vos digo que muitas viúvas havia em Israel no tempo de Elias, quando o céu se fechou por três anos e seis meses, reinando grande fome em toda a terra; e a nenhuma delas foi Elias enviado, senão a uma viúva de Sarepta de Sidom. Havia também muitos leprosos em Israel nos dias do profeta Eliseu, e nenhum deles foi purificado, senão Naamã, o Siro.

Todos na sinagoga, ouvindo estas coisas, se encheram de ira. E, levantando-se, expulsaram-no da cidade e o levaram até ao cimo do monte sobre o qual estava edificada, para, de lá, o precipitarem abaixo. Jesus, porém, passando por entre eles, retirou-se.” Lucas 4.16-30

Depois deste dia, os fariseus, os saduceus, os zelotes, os publicanos e tantos outros grupos religiosos judaicos começaram a perseguição contra Ele, com o intuito de O matarem.

É claro que esses grupos tinham o consentimento dos romanos, porque estes eram, na época, os dominadores e continuavam com aquele medo da profecia quanto ao nascimento do Messias, pois O consideravam uma ameaça.

Retirado do livro Estudos Bíblicos, do bispo Edir Macedo

sábado, 14 de maio de 2011

DEUS NUNCA ERRA!

Um rei que não acreditava na bondade de DEUS, tinha um servo que em todas as situações lhe dizia: Meu rei, não desanime, porque tudo que Deus faz é perfeito, Ele não erra!

Um dia, eles saíram para caçar e uma fera atacou o rei. O seu servo conseguiu matar o animal, mas não pôde evitar que sua majestade perdesse um dedo da mão.

Furioso e sem mostrar gratidão por ter sido salvo, o nobre disse: Deus é bom? Se Ele fosse bom eu não teria sido atacado e perdido o meu dedo.

O servo apenas respondeu: Meu Rei, apesar de todas essas coisas, só posso dizer-lhe que Deus é bom; e Ele sabe o porquê de todas as coisas.

O que Deus faz é perfeito. Ele nunca erra! Indignado com a resposta, o rei mandou prender o seu servo. Tempos depois, saiu para uma outra caçada e foi capturado por selvagens que faziam sacrifícios humanos.

Já no altar, prontos para sacrificar o nobre, os selvagens perceberam que a vítima não tinha um dos dedos e soltaram-no: ele não era perfeito para ser oferecido aos deuses.


Ao voltar para o palácio, mandou soltar o seu servo e recebeu-o muito afetuosamente. Meu caro, Deus foi realmente bom comigo! Escapei de ser sacrificado pelos selvagens, justamente por não ter um dedo! Mas tenho uma dúvida: Se Deus é tão bom, por que permitiu que você, que tanto o defende, fosse preso?


Meu rei, se eu tivesse ido com o senhor nessa caçada, teria sido sacrificado em seu lugar, pois não me falta dedo algum. Por isso, lembre-se: Tudo o que Deus faz é perfeito.


Ele nunca erra! Muitas vezes nos queixamos da vida e das coisas aparentemente ruins que nos acontecem, esquecendo-nos que nada é por acaso e que tudo tem um propósito. Toda a manhã ofereça seu dia a Deus.


Peça para Deus inspirar os seus pensamentos, guiar os seus atos, apaziguar os seus sentimentos. E nada tema, pois DEUS NUNCA ERRA!!!

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Caravana

Caravana Atos dos Apóstolos


Começou neste dia 07 de maio a Caravana Atos dos Apóstolos, onde a Força Jovem percorrerá os principais bairros de Curitiba realizando uma concentração jovem.
O Cenáculo da Fé do bairro Boa Vista foi o primeiro a receber a Caravana Atos dos Apóstolos. A Força Jovem dos Blocos A e D e a Catedral marcaram presença no evento, deixando o salão lotado de alegria e diversão.

“ Muitos jovens estão vivendo uma vida amarrada cheia de brigas, problemas financeiros, problemas sentimentais e nos vícios das drogas, bebidas e cigarros; tudo isto é causado por espíritos malignos que querem fazer parte de sua vida, mas nós estamos aqui para te ajudar a se libertar desse mal!.” disse o Pastor Leonardo Neves momentos antes da oração de libertação.


Na reunião os jovens também foram consagrados com o Óleo dos Peritos, no qual foi determinado que a habilidade de Deus estivesse em cada ungido.

No momento culminante da reunião, o Pastor Leonardo orientou os jovens citando a passagem bíblica que descreve a morte do homem rico e de um mendigo e do abismo que haviam entre eles, onde o rico que foi para o inferno não poderia passar para o lado do mendigo que estava no ceio de Abraão, pois cada um havia escolhido um caminho e o resultado foi conhecido após a morte deles (Lucas cap.16).

“O jovem é o primeiro a pensar que nunca vai acontecer nada com ele pelo fato de ser novo, porém muitos são os jovens que perdem a vida estupidamente em acidentes, doenças, brigas ou envolvimentos com drogas e criminalidade, mas nós somos a Força! Deus nos escolheu para termos uma vida plena, agora só depende de você reconhecer que precisa Dele e aceitá-lo como Senhor e Salvador de sua vida para que todo sofrimento tenha um ponto final!.” orientou o Pastor Leonardo.


Em seguida foi feito orações de arrependimento e o convite para o Batismo nas Águas. O Pastor e vereador Valdemir Soares também esteve presente orientando e clamando pela vida de cada jovem. Após o Batismo nas Águas todos puderam buscar o Espírito Santo.
O momento de descontração veio com o Festival de Talentos. Os jovens soltaram a voz e agitaram as torcidas das regiões em busca da classificação para fase seguinte do concurso.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Não poderia perder essa né!

Estou aqui no hospital me recuperando da cirurgia no joelho, e gostaria de falar com meus amigos Palmerenses.  

Palmeirenses ... 6 tão bem ? 6 tão legal ? 6 precisam de algo ? 6 vão reclamar da arbitragem ? 6 vão chorar ? Boa 6°feira dia 6 pra v6 ... 0